Quem Somos

A Articulação Antinuclear Brasileira (AAB) foi criada em 3 de maio de 2011 em um encontro no Rio de Janeiro promovido pela Fundação Heinrich Böll, em parceria com a Rede Brasileira de Justiça Ambiental (RBJA). Integrada por indivíduos, entidades, movimentos socioambientais e pesquisadores, a AAB busca fortalecer a luta antinuclear, defendendo o uso de energias renováveis e de um Brasil livre do nuclear.

Desde então, a AAB tem tido intensa atuação promovendo o debate público sobre a política energética brasileira e em ações e mobilizações relativas ao tema da energia nuclear. Participou da revolta popular em Caetité-BA (maio/2011), contra a ida para a usina de urânio de 90 toneladas de material radioativo transferido de São Paulo para a Bahia, pela INB; da Caravana Antinuclear em Pernambuco, promovida com o Movimento Cultura de Paz da Diocese de Floresta (outubro/2011, setembro/13); da Marcha das Águas em Pernambuco (junho/2012), com a Articulação Popular São Francisco Vivo, Movimento Cultura de Paz e outras organizações; da “Tenda Antinuclear na Cúpula dos Povos (Rio+20/2012); da campanha de coleta de assinatura para um projeto de emenda constitucional (PEC) de iniciativa popular proibindo a construção de usinas nucleares no Brasil e da Mobilização Nacional por um Brasil Livre de Usinas Nucleares.

A AAB está em permanente movimento para incorporar pessoas, entidades e organizações ao movimento antinuclear brasileiro, com outras iniciativas existentes no Brasil. Uma dinâmica fundamental para fortalecer a luta antinuclear no mundo, e afastar de vez a ameaça que o uso da tecnologia nuclear na produção de energia elétrica representa para a humanidade.

Fazemos parte da Frente por uma Nova Política Energética

Acesse!

Site      Facebook    Twitter

© 2017   Criado por Articulação Antinuclear BR.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço